Arte na Praça em Ituiutaba

 19/08/2018 - 15:00

Apresentação

Projeto realizado desde 2003 pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Federal de Uberlândia (Proexc/UFU), por meio de sua Diretoria de Cultura (Dicult), o festival de música independente Arte na Praça terá mais uma edição em Ituiutaba, desta vez como parte das comemorações pelos 40 anos de federalização da universidade. O evento é gratuito e ocorre na Praça Getúlio Vargas, no dia 19 de agosto, a partir das 15 horas. 

O festival enfatiza a valorização da arte independente, da produção musical e da resistência cultural, com o objetivo de democratizar e socializar a produção no campo da cultura, tanto erudita quanto popular, promovendo o intercâmbio e exposição de artistas regionais. Na programação em Ituiutaba, estão confirmadas as participações da Orquestra Popular do Cerrado, Enzo Banzo, banda Ei8ht Gang (MG) e da dupla Estrela Leminski & Téo Ruiz.

 

Tudo que não quero falar sobre amor

O novo disco dos compositores Estrela Leminski e Téo Ruiz ‘Tudo que não quero falar sobre amor’, chega para mostrar que eles não são um casal de músicas fofas, e trazem no conteúdo das canções temas diversificados que não tratam do amor clichê romântico. Indo na contramão da lógica da indústria musical os compositores decidiram lançar os clipes antes, mensalmente, entre abril e agosto de 2017.

São 12 músicas gravadas em quatro cidades diferentes (Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre), com sete produtores musicais ímpares: Guilherme Kastrup (produtor e diretor artístico do disco “A Mulher do Fim do Mundo”, de Elza Soares), Dante Ozzetti (compositor e produtor reconhecido nacionalmente), Rodrigo Lemos (ex-integrante da Banda Mais Bonita da Cidade), Marcelo Fruet (produtor dos discos das bandas Apanhador Só e Dingo Bells), Fred Teixeira, John Ulhoa (Pato Fu) e Pupillo (Nação Zumbi).

Seu rock-poético, de ênfase na canção, ganhou visões diferentes, mas sem perder a unidade e coesão dentro dessa diversidade de nomes. O som é pop com ruído, urbano e contemporâneo, e o título não poderia ser mais direto: apesar de Estrela e Téo serem um casal, não espere canções românticas de amor.

 

Arte na Praça em expansão

A parceria de festivais de música independente de Uberlândia com o Festival Arte na Praça não é recente. A visibilidade do festival, desde sua criação, promoveu e contribuiu com a realização de outros festivais, como o Festival Timbre, Mineiro Beat, Jambolada, UdiRock, entre outros.

Em 2018, o Arte na Praça deu a partida com a edição realizada em Uberlândia, no dia 15 de abril. A programação, desenvolvida em parceria com o Festival Cena Cerrado, contou, dentre outros nomes, com o pernambucano Tagore e a banca Medulla, do Rio de Janeiro.

Além de Ituiutaba, o Arte na Praça também chegará a Monte Camelo, e contará ainda com duas edições em Uberlândia. A primeira será no dia 16 de setembro na Praça Sérgio Pacheco, em conexão com o Festival Timbre, sendo uma das atrações confirmadas a banda Carne Doce, de Goiânia. Em outubro, dia 21, será a vez de Monte Carmelo, primeira vez que a cidade receberá o projeto, e a programação contará, dentre outros nomes, com Luiz Salgado e convidado especial. Fechando a agenda do ano, o festival retorna a Uberlândia no dia 25 de novembro, com a participação da cantora baiana Luedji Luna.

Acompanhe a programação completa do Arte na Praça, além de outras ações culturais da Proexc/Dicult pelas redes sociais: Instagram @dicultufu e Facebook @ufudicult.

Inscrições

Custo do evento: 
Evento gratuito

Localização

Realização

Área do conhecimento: 
Natureza do evento: